Nova lista suja de trabalho escravo denuncia 209 empresas no país

Entre 2005 e este ano, 2.879 funcionários foram submetidos por seus empregadores a atividades laborativas sob condições degradantes e desumanas Trabalho escravo: lista suja incluiu 50 novas empresas (Anankkml/Thinkstock)   O Ministério do Trabalho divulgou nesta sexta-feira, 5, uma versão atualizada da chamada “lista suja” do trabalho escravo, em que denuncia 209 empresas pela prática do crime. Segundo o … Continuar lendo Nova lista suja de trabalho escravo denuncia 209 empresas no país

Registro de armas cresceu mais de dez vezes desde Estatuto do Desarmamento

O número de registros de armas de fogo de pessoas físicas disparou nos últimos anos no Brasil. Desde 2004, primeiro ano do Estatuto do Desarmamento, os números já vinham mostrando um aumento praticamente ano após ano. Os dados são da PF (Polícia Federal) e foram repassados ao UOL após pedido feito via Lei de Acesso à … Continuar lendo Registro de armas cresceu mais de dez vezes desde Estatuto do Desarmamento

Mais da metade dos brasileiros não temn diploma do ensino médio, aponta OCDE

Na comparação com o Brasil, Chile, Argentina e Colômbia têm mais adultos na faixa de 25 a 64 anos com diploma do ensino médio O Brasil é um dos países com o maior número de pessoas sem diploma do ensino médio: mais da metade dos adultos (52%) com idade entre 25 e 64 anos não … Continuar lendo Mais da metade dos brasileiros não temn diploma do ensino médio, aponta OCDE

O estado é racista, mas se falo isso é mimimi’, diz advogada algemada no Rio

Valéria foi algemada por policiais durante uma audiência judicial na Baixada Fluminense A advogada Valéria Lucia dos Santos, 48 – Zô Guimarães/Folhapress A advogada Valéria Lucia dos Santos, 48, foi algemada por policiais na última segunda-feira (10) durante uma audiência em Duque de Caxias, no estado do Rio. Valéria e a juíza leiga discutiram, porque … Continuar lendo O estado é racista, mas se falo isso é mimimi’, diz advogada algemada no Rio

Ministério Público cobra R$ 7 milhões do youtuber Cocielo por ofensas a Mbappé

O Ministério Público de São Paulo abriu uma ação na última quarta-feira (12) contra Júlio Cocielo por racismo. Os promotores de Justiça de Direitos Humanos Eduardo Valério e Bruno Orsini Simonetti pedem para que o youtuber seja condenado a pagar mais de R$ 7 milhões por dano social coletivo e solicitam que seja decretada a … Continuar lendo Ministério Público cobra R$ 7 milhões do youtuber Cocielo por ofensas a Mbappé